busca inteligente

SEO: como a busca inteligente está mudando o ranqueamento

O ranking de pesquisa orgânica costumava ser a principal preocupação das empresas que buscam ser encontradas online, mas muito mudou nos últimos anos.

O ambiente digital de anúncios pagos, mapas, opções de compras e mobile-first mudou a forma que vemos o mercado e o que impulsiona o negócio para as empresas.

Se os rankings orgânicos são o foco principal da sua empresa, você está falhando.

A pesquisa tornou-se inteligente

A resposta simples é que hoje tem muito mais para prestar atenção do que há cinco anos atrás. O SEO da velha escola já não é o suficiente.

À medida que a busca em mobile superou a em desktop, os local packs e os knowledge cards substituíram a lista ordenada de links azuis, que era mostrada antigamente quando pesquisávamos locais, pessoas ou empresas.

Isso mudou a forma como você precisa pensar para conquistar o seu sucesso na busca inteligente.

O Google e Bing estão garantindo sua relevância futura ao mudar o que eles fazem para se adequar aos hábitos da próxima geração de consumidores.

Como os Boomers estão envelhecendo fora do mercado de consumo principal para negócios online e os Millennials e Generation Z estão assumindo esse mercado, a confiança em elementos além do orgânico mudará o que significa ranquear.

Como ranquear em uma busca inteligente

1. Saiba como funciona a localização para aplicativos de mapas

As consultas baseadas em mapa aumentaram à medida que as pessoas começaram a procurar itens e produtos específicos em aplicativos de mapa.

Isso é uma consequência natural de uma base de consumidores mais esclarecida quando falamos de mobile e essa pesquisa local continuará aumentando.

Na verdade, quase 40% das pessoas dizem que realizam pesquisas apenas em seu dispositivo móvel, de acordo com o Google.

Ganhar na busca inteligente é usar cada vez mais dados ricos em informações geográficas como: horas, menus, fotos específicas do local, serviço ou área de entrega.

2. Gerar reviews e responder comentários

Não são só as reviews que são usadas para ajudar a determinar como um mecanismo de busca vai classificar você. Para determinadas pesquisas, as avaliações altas podem ser uma boa maneira de classificar também.

Por exemplo, se um consumidor usa a palavra “melhor” em uma consulta de mapa, alguns serviços digitais filtram apenas 4+ resultados de estrela. Com o benefício que isso está trazendo, é provável que os motores de busca expandam essa tendência.

É melhor você cultivar revisões e gerenciar relacionamentos digitais com clientes agora se você deseja ranquear nas consultas de mapas.

3. Conecte o seu inventário à sua presença digital

Facilitar os últimos passos dos consumidores que estão procurando por um item específico no momento, vai ser de extrema importância para se destacar em uma busca inteligente.

Os dados de inventário das lojas combinados com o mapa direcionarão o cliente para comprar com você.

Os consumidores têm expectativas que um dia a busca de uma "TV LED Samsung de 40 polegadas" não mostrará apenas as lojas de eletrônicos que provavelmente tenham ela, mas as lojas que estão com esse produto na prateleira naquele momento.

4. Estruture seus dados para voz

Hoje, mais de 20% das buscas são feitas via comando de voz.

O comportamento do consumidor está mudando rapidamente à medida que a pesquisa por voz cresce devido a procura de smartphones e dispositivos de voz como o Amazon Echo e o Google Home.

Na verdade, o Google prevê que até 2020 cerca de 50% das consultas serão via voz.

No entanto, muitas vezes apenas um resultado é falado, deixando as pessoas com pouca escolha.

Porém, essa é uma boa oportunidade de estruturar seu conteúdo para permanecer relevante e ser o resultado apresentado.

5. Integre seu conhecimento digital em toda a empresa

Até recentemente, era plausível que você formasse data silos comerciais importantes em determinados departamentos.

Agora, o mundo está evoluindo rapidamente e ficar a frente de outras empresas exige um repensar dessa velha prática. Você precisará dos dados de:

• ideias que a busca orgânica fornece na pesquisa do consumidor;

• detalhes sobre como as pesquisas pagas impactam na conversão;

• sinais de feedback e intenções sociais.

Esses programas, precisam, no mínimo, de trabalhar juntos e alimentar dados uns aos outros abertamente.

Além disso, você precisa reunir os conhecimentos digitais internos de todos da sua empresa e garantir que os analistas de marketing tenham acesso instantâneo a eles.

Por fim, você precisa garantir que todos os programas e pontos de contato do consumidor comuniquem com o mesmo tom e voz.

O Futuro dos Rankings de Pesquisa: Trust e Rich Experiences

Tudo o que discutimos até agora fala sobre a maior tendência de uma rica área de dados comercial, que está se tornando um sinal de confiança das pessoas nos motores de busca.

Quanto mais elementos sobre o seu negócio são precisos e reais, mais rica a experiência que um motor de busca pode oferecer aos clientes.

A experiência com a sua marca também é influenciada quando você se classifica em mais formatos de busca que os mecanismos, como o Google, oferecem.

Dessa forma, novas ferramentas para rastrear o sucesso na pesquisa inteligente — seja em palavras-chave ou formatos de pesquisa — são cada vez mais importantes para medir onde você está alcançando os seus consumidores (e onde você não está).

Além disso, a cobertura 5G para dispositivos móveis gerará experiências mais ricas como conectividade em todos os momentos e fluxo de dados mais rápidos.

Para estar pronto para isso nos próximos 2 anos ou mais, você precisa levar muito a sério a questão de deixar a sua marca e dados de negócios em toda a web.

Gerenciando seus dados de negócios  avaliações, não será apenas "bom" no futuro. Será fundamental.

Os consumidores exigem mais. Os serviços inteligentes estão em alinhamento para cumprir essas expectativas, deixando as empresas com pouca escolha além de se manterem atentos aos dados necessários para responder às questões e consultas do consumidor.

Portanto, vamos enfrentar esse desafio! O envolvimento com clientes raramente é uma coisa ruim para a saúde do seu negócio.

Conclusão

A execução de um negócio online costumava ser simples. Hoje não é. E isso só vai ficar mais complexo.

Agora, compreender o que investir é fundamental para o seu sucesso futuro.

A maneira de avaliar isso é através de uma compreensão de sua "participação na busca inteligente", um novo importante componente do SEO.

As empresas que ficarem para trás nessa métrica verão que os novos jogadores em seus campos podem, e vão, explorar facilmente a oportunidade de avançar.

Muitas empresas tiveram uma performance lenta para se alinhar com o celular. Porém, essa mudança será mais impactante e poderá redefinir os negócios e a marca à medida que entramos nessa realidade.

Agora é a hora de aproveitar a oportunidade para liderar o futuro inteligente.

Esse texto é uma tradução do relatório “Intelligent Search Is Changing What It Means To Rank” da Yext.