Artigos

Futuro da análise de dados: tendências que estão por vir

análise de dados

O futuro nem sempre está tão distante de nós quanto pensamos.

Como muitos já sabem, cada dia mais negócios empregam novas tecnologias que estão integradas com modelos de transformação digital.

O Carrefour e a Coca-Cola são bom exemplos de empresas que estão fazendo projetos para os próximos anos.

De acordo com o site Business Insider a previsão é que em 2020, mais de 5,635 milhões de empresas estejam com aparelhos conectados ao sistema IoT. Representando assim um número significativo de dados estatísticos gerados por máquinas todos os dias.

IoT

Fonte: Business Insider

Em contrapartida, outros setores como o de compras, ainda está relativamente atrasado em relação ao processo de automação de dados.

Softwares

Fonte: Software Advice

Isso pode ser observado no gráfico acima da Software Advice. Ainda é significativo o número de usuários que usam métodos manuais para o processo de compras (48%) e isso é preocupante.

Quem não se mantiver alinhado com as novas tecnologias, vai acabar perdendo espaço nesse mercado que vem se tornando cada vez mais personalizado e acelerado.

Então fica a pergunta: como se preparar para o futuro da análise de dados? Nesse artigo proponho uma discussão sobre as tendências do mercado que estão por vir. Confira!

Conectando dados com a IoT

Antes de mais nada, a possibilidade de integração de dados gerados por máquinas, nos dá uma perspectiva muitas vezes considerada popularmente negativa. Porém, não é bem esse o caso.

Ao ter um computador gerando dados automaticamente temos a possibilidade de acompanhar ao vivo as nuances de qualquer análise de dados.

Vejamos como exemplo: hoje um IoT pode estar integrado a um marca-passo e caso esse aparelho registre qualquer dado incomum no paciente, o médico poderá ser acionado e, assim, este poderá acionar o paciente.

Por fim, esse paciente passa a correr menos risco de morte, tendo em vista que seus dados cardíacos seriam monitorados constantemente por uma máquina.

Integrando o consumidor com o CRM

Outra funcionalidade de automação de dados que tem crescido muito e que vai impactar o mercado nos próximos anos são os softwares de CRM (Customer Relationship Management).

Nós aqui da Rock Content por exemplo usamos o CRM da Hubspot. Esse software nos ajuda a integrar o nosso vendedor com o consumidor, fator que possibilita que ele tenha um banco de dados com informações sobre os clientes.

Isso facilita o processo de entendimento —  por parte do vendedor — das dores dos nossos clientes e os direcionam de maneira mais acertada pelo funil.

Entendendo o cliente com o hyper personalisation

No processo de entendimento do consumidor, devemos sempre lembrar do termo Hyper Personalisation.

Ele pode ser entendido também como um profundo entendimento do consumidor.

Afinal,  quanto mais você entende seu consumidor, melhor serão as chances de vender seu produto.

O CRM, descrito acima, é um software que vai auxiliar nesse processo. Além disso, uma equipe de marketing bem estruturada e com conhecimento aprofundado para auxiliar na criação de uma persona bem definida é extremamente importante.

Automatizando informações com a inteligência artificial

Apesar de existir já a um tempo, a AI (Inteligência Artificial) tem se tornado popular no mercado comercial recentemente.

Com a criação de Bots para análise de dados automática, essa funcionalidade se tornou bem útil quando se trata de um banco de dados muito extenso ou até mesmo de um fluxo de informações muito grande compilados diariamente.

Apesar disso o que torna as AI’s tão impressionantes ainda é a criatividade humana e a sua capacidade de delegar funções a esses sistemas.

Experimentando perspectivas com a realidade aumentada

Tanto o mercado de VR (Virtual Reality ou Realidade Virtual) como o de AR (Augmented Reality ou Realidade Aumentada) tem crescido relativamente nos últimos anos.

Hoje em dia temos kits de programas para desenvolver aplicativos de AR e assim atender a um mercado novo, no entanto, esses kits ainda estão  em crescimento, como no caso do Apple AR Kit ou do Google Tango.

Vale ressaltar que logo teremos smartphones com memória RAM maior — como no caso do Galaxy S9+ que terá 6gb de RAM — levando assim uma acessibilidade maior para programas de AR mais complexos.

Entendendo estratégias com análises comportamentais

Antigamente não se falava em análises comportamentais por ser algo muito subjetivo.

Hoje temos tecnologia para rastrear comportamentos como Eye Tracker, mas também temos técnicas de pesquisa em ambientes controlados para testar posicionamento de produtos, entre outras funcionalidades.

Por exemplo, aqui na Rock Content realizamos testes em nossos blogs para saber onde posicionar CTA’s, cores a serem usadas, sidebar’s entre outras partes de nosso ambiente virtual.

Essas tecnologias serão fundamentais para o futuro de várias áreas, incluindo saúde, bancos e indústrias. Todas essas inovações prometem transformar a forma com que trabalhamos.

Para os interessados em se aprofundar nas tendências de Marketing segue abaixo um gráfico com os programas que tem se mostrado mais eficazes atualmente:

programas de marketing

Fonte: Super Office

Sabendo essas dicas, pense bem em que investir nos próximos anos.

Como empresa, temos sempre que estar atualizados com as novas tendências do mercado. Inovar é extremamente importante. Para isso, tenha uma ideia, desenvolva e teste. O mercado hoje está cada vez mais tecnológico e ele espera que você converse com ele de igual para igual.

Quer saber como transformar a sua empresa com as novas tecnologias? Confira o nosso post completo sobre transformação digital.

Publicações relacionadas
Artigos

Crescimento de podcasts no Brasil impulsiona marcas a investirem no formato

Artigos

A revolução da indústria de manufatura com IA, IoT e novas tecnologias

Artigos

Conheça o Rock Stage, a melhor solução em WordPress

Artigos

Por que a automação tem percepção positiva, mas ainda está aquém de seu potencial máximo