Desenvolva sua equipeOpinião

Hacks para quem não tem tempo de se manter atualizado

Hacks para se manter atualizado

Na correria do dia a dia, com tanta informação chegando ao mesmo tempo, é muito difícil acompanhar tudo. Quanto mais opções temos, mais difícil é de escolher, não é?

Com o grande volume de novidades aparecendo ao mesmo tempo, o primeiro passo é entender o que realmente importa para você. Seja mudanças da sua área, informações de negócios, notícias locais ou eventos importantes — é necessário filtrar.

Pensando nisso, escrevemos este post com diversos hacks para você se manter atualizado mesmo em dias de agenda apertada, com pouco tempo para isso.

Redes sociais

Os algoritmos de redes sociais podem ser usados para isso. No Facebook, você pode curtir páginas especializadas no que te interessa. Para uma timeline cada vez mais limpa, lembre-se de que quando você interage com uma publicação, mais posts parecidos aparecerão no futuro. Se o problema são posts aleatórios demais, utilize a opção “ocultar publicação”, que mostra menos coisas similares no futuro.

Para personalizar a sua timeline do Facebook, lembre-se de tudo que você já pesquisou sobre o algoritmo para melhorar o alcance das suas páginas e use isso a seu favor.

No Twitter é ainda mais fácil, já que normalmente você só segue quem te interessa. Os posts são muito mais focados no que está acontecendo, então é fácil se atualizar mais rapidamente, e existem vários perfis especializados em assuntos mais qualificados, como política, marketing e negócios. Por lá, a dica é procurar por jornalistas e produtores de conteúdo, ao invés de apenas perfis institucionais.

Se começaram a falar de alguma coisa que não te interessa (o que acontece muito com programas de TV, por exemplo), é só silenciar palavras, hashtags ou perfis específicos. Outras funções da rede social também podem ser bastante úteis, como as listas, que você pode se inscrever nas que te interessam ou criar novas, e o Moments, que tem notícias de vários assuntos criadas pela equipe do Twitter e pelos próprios usuários.

O Linkedin acaba sendo mais difícil para quem tem muitas conexões profissionais, que podem encher a timeline com assuntos mais aleatórios. Por isso, a rede social também tem a opção de “ocultar publicação”, que não te desconecta do perfil. Também existe a função Melhore o seu perfil, que mostra vários perfis recomendados.

Não é só de textos que vive o homem moderno — principalmente quem tem muito o que fazer e gerenciar. O Youtube também pode ser um bom aliado, com conteúdos que oferecem menos imediatismo e mais crítica e aproximação. Seguir os perfis certos é essencial, e por isso o explorador de canais pode ajudar. Você também pode seguir os canais do próprio Youtube, que agrupam os vídeos mais relevantes.

Feed

Ainda assim, limpar a timeline dá trabalho demais? As notícias que realmente importam acabam se misturando com fotos e materiais menos interessantes? Se você respondeu sim a essas perguntas, aposte no feed.

Muita gente já usou o Google Reader (RIP), que foi a primeira grande solução para quem queria juntar os sites favoritos em um só lugar. Quando a ferramenta foi descontinuada, a principal solução foi o Feedly, que era bem básico, mas melhorou muito com o tempo.

Em um simples painel, você consegue adicionar os sites que quer seguir e separá-los em feeds diferentes de acordo com os assuntos. É possível ler todas as novidades de uma vez, em All, ou abrir as novidades de cada feed separadamente. Dá para ver os artigos na íntegra ou selecionar outros tipos de visualização, como apenas os títulos, pré-visualização na vertical ou cards.

Além disso, a ferramenta não serve apenas para novidades. Você pode usar o Boards para guardar artigos favoritos ou que podem ser úteis no futuro. Da timeline é fácil adicionar um artigo em um Board específico, além de poder adicionar links que não vieram originalmente do seu feed. É como uma biblioteca de artigos, separados da forma que você preferir.

Quer ver o que há de novo, achou um artigo muito bom, mas está sem tempo de ler agora? É só clicar na bandeirinha “Read later”, que ficará salvo em um lugar específico. Quer seguir sites importantes, mas está cansado de um assunto que não te interessa? Use os filtros para mutar assuntos específicos.

Você consegue seguir tudo que gera um feed e não apenas sites, como canais no Youtube, por exemplo. Se você sabe o que precisa, mas não sabe onde conseguir, é possível seguir novidades sobre uma palavra-chave específica usando a função Keyword Alerts (sim, igual ao Google Alerts). A vantagem, aqui, é que fica tudo em um mesmo painel.

É uma ferramenta simples, mas muito completa para quem quer se manter em dia com assuntos diversos.

Livros

Se você não precisa apenas se atualizar com novidades, e sim com conteúdos mais densos, também é muito difícil encontrar espaços no dia para parar e ler.

O Kindle (e outros e-readers) foi muito falado nos últimos tempos, mas não deve ser subestimado. Com ele, não é necessário carregar livros grandes e pesados, é fácil passar de uma leitura para outra e também é possível inserir conteúdos maiores que não são necessariamente livros, como ebooks oferecidos pelo seu blog favorito.

Ao ler em línguas diversas, você encontra definições de palavras desconhecidas com um clique, além de destacar trechos importantes (e depois encontrá-los facilmente). É muito usado por pessoas de várias idades e interesses, e pode ser uma ferramenta poderosa na mão de alguém que procura se especializar cada vez mais.

Outra opção é o aplicativo 12 minutos, que oferece resumos de livros reconhecidos e muito importantes para quem precisa se aprofundar em assuntos complexos. Os resumos não são iguais aos do Wikipedia, porém – eles levam em consideração os pontos mais importantes das obras, sem medo de spoilers, para explicar a linha de pensamento e o que pode ser concluído. É como se você realmente tivesse lido palavra por palavra.

Inserindo na rotina

É muito fácil conhecer várias ferramentas, configurá-las, mas não conseguir usar. Por isso, ao escolher a melhor opção para se manter atualizado mesmo sem tempo, é importante inserir essa escolha na sua rotina.

Definir pequenos horários para abrir essas ferramentas pode funcionar bastante. Muita gente escolhe o início do dia, durante o café da manhã, por exemplo. Durante o dia, em pequenos breaks, também é uma boa forma de relaxar antes de entrar em uma nova tarefa.

Além disso, existem assuntos que precisam de maior atenção, que pode não ser dada nesses pequenos momentos. Por isso, o uso de ferramentas para coletar o que você descobriu durante o dia e explorar à noite pode ajudar. O Feedly oferece a função Read later, como já dito, mas existem outras específicas para isso, como o Pocket.

Pronto para superar a falta de tempo e não perder nenhuma notícia que te interessa? Conte nos comentários outras ideias que podem ajudar!

Carreiras em marketing

Publicações relacionadas
Opinião

Reascensão da criatividade

Opinião

Edmar Ferreira sobre Gestão de Alta Performance: “Um líder precisa, antes de tudo, saber se comunicar”

Opinião

Na pressa de ser o primeiro, se perdeu

Escolhas do EditorOpinião

Dados são a base para experiências valiosas — Carta ao leitor da 4ª edição da Rock Content Magazine