Artigos

Como posicionar a sua marca para se comunicar com micro e pequenos empreendendores

Comunicação com pequenos empreendedores

Em 10 anos, o número de empreendedores no Brasil mais que triplicou. Segundo dados da Pesquisa GEM, do Sebrae, 49,3 milhões de pessoas entre 18 e 64 anos exerciam alguma atividade empreendedora no país já em 2017. Entre microempreendedores individuais (MEIs), já são mais de 8 milhões no país, segundo dados do Portal do Empreendedor do governo federal.

O crescimento desse público cria diversos novos mercados a serem explorados por grandes empresas. Grandes companhias já se movimentam para atingir essa clientela. Pequenos empreendedores se tornaram o principal alvo no altamente competitivo mercado de adquirentes, em que uma briga intensa de queda de taxas e oferta de benefícios para manutenção de market share tem resultado no aumento de CAC.

Já o mercado de tecnologia vê a disputa de companhias que buscam ser reconhecidas como a melhor solução de ERPs e softwares de gestão para as pequenas empresas. Contudo, grandes players têm convivido com barreiras para atingir esse público.

A SAP, por exemplo, é reconhecida como uma solução de software de gestão para grandes empresas, e essa visão tem afugentado o mercado de PMEs. Ainda que o SAP Business One seja um sistema mais enxuto e os custos de implementação e manutenção para as pequenas e médias empresas seja relativamente baixo, a empresa alemã precisa desmistificar a visão de que sua solução é exageradamente robusta e gera engessamento de processos, assim como causa aumento de head counting — provocado pela necessidade de mais pessoal para operar o ERP.

A comunicação com micro e pequenos empreendedores passa, portanto, por um claro desafio: as grandes companhias, de diferentes mercados, precisam aprimorar seu posicionamento de marca, para serem reconhecidas por esse público como a solução ideal para os diferentes obstáculos que surgem na gestão de um negócio e na vida de um empreendedor.

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

Comunicação e posicionamento de marca diante do pequeno empreendedor

Enquanto cresce o número de pequenos empreendedores no Brasil, falta educação para esse público. Muitos não têm qualquer experiência em gestão de negócios e são como “marinheiros de primeira viagem”, sem saber ao certo como chegar ao destino desejado. Outros já têm mais experiência, mas estão longe de padrões de profissionalização que poderiam alavancar seus negócios e superar a crescente concorrência.

Além disso, a falta de recursos no início de um negócio é um obstáculo a ser superado. É claro que, para as empresas menores, o acesso a soluções robustas de tecnologia, por exemplo, pode ser proibitivamente caro. Mas o custo não é a única barreira. Os gestores de pequenas empresas podem se intimidar diante da oferta dessas soluções. Eles sabem que não têm o conhecimento e falta tempo para se dedicar à capacitação. 

As empresas que se destacam no posicionamento diante de clientes que são gestores de pequenos negócios são aquelas que se posicionam como parceiras na construção dessa jornada. Os micro e pequenos empreendedores precisam resolver dúvidas desde a montagem da empresa em si, até o pagamento de impostos e a atração e retenção de clientes.

Diante da falta de tempo para conciliar a gestão do negócio com a capacitação para desenvolverem suas empresas, eles buscam informações na internet e conteúdos de consumo simples e rápido. Neste momento, as companhias que se posicionarem como parceiras nesta jornada tendem a ser reconhecidas como as melhores soluções.

A seguir, apresentamos exemplos de empresas que têm se destacado nessa missão.

Empresas que se destacam na comunicação com micro e pequenos empreendedores

Escola de E-commerce

A Escola de E-commerce é a central de conteúdo relacionado ao comércio eletrônico, com materiais para empresas de pequeno, médio e grande porte desse segmento. O blog é mantido pelas plataformas Tray Commerce, marca de ecommerce da Locaweb, que oferece toda a estrutura e apoio para criação de lojas virtuais e assim como a integração com marketplaces.

Para micro e pequenos empreendedores, a estratégia está clara no nome dado ao blog idealizado para se comunicar com esse público. A Escola de E-commerce se propõe a educar pequenos lojistas e auxiliá-lo a vender mais no mundo online. Nesse sentido, são oferecidos conteúdos com caráter educativo, detalhados e orientados a serem didáticos.

Para atingir seu público em diferentes momentos, a Tray oferece conteúdos em diferentes formatos, além de vídeos na seção “Escola Responde”, em que parceiros especialistas são entrevistados sobre temas específicos, e a realização de webinars.

Quais os resultados dessa estratégia? A Escola de E-commerce é encontrada para diferentes termos buscados no Google por lojistas. Segundo a ferramenta SemRush, já são mais de 30 mil palavras-chave indexadas e quase 100 mil acessos orgânicos no último ano.

Serasa Empreendedor

No imaginário do brasileiro, a marca Serasa está, comumente, associada à inadimplência. Porém, a Serasa Experian é uma marca de análises e informações para decisões de crédito e apoio a negócios. Em sua estratégia de comunicação, a companhia, efetivamente, se posiciona como uma parceira para o desenvolvimento de negócios.

Na plataforma Serasa Empreendedor, MEIs e MEs encontram um verdadeiro parceiro para a gestão do negócio, recebendo orientações concretas e precisas para cada estágio da empresa. Os conteúdos de especialistas do mercado são selecionados para atender exatamente à necessidade do microempreendedor no momento certo para ajudá-lo em meio à correria de sua rotina.

A companhia auxilia gestores de pequenos negócios a melhorar a saúde financeira do negócio para o crescimento de modo sustentável. Assim, o Serasa Empreendedor oferece questionamento para a identificação do “perfil empreendedor” e uma trilha de capacitação personalizada com cursos on-line e gratuitos para auxiliar na melhoria da gestão dos negócios, de acordo com as respostas do questionário perfil empreendedor.

Além de textos e vídeos, o Serasa Empreendedor tem conteúdos em infográficos e quizzes, ampliando a interatividade e, principalmente, o engajamento com o público com o qual pretende dialogar.

Oracle

A Oracle trabalha para que PMEs proporcionem uma experiência fácil, envolvente e conveniente para os clientes, retenham seus melhores talentos e cresçam de forma escalável e econômica.

Nessa missão, empresas de tecnologia precisam demonstrar como os pequenos empreendedores devem migrar para a nuvem, automatizar tarefas e usufruírem de maneira mais simples e efetiva de suas soluções.

As empresas atentas ao posicionamento de marca diante de pequenos negócios saem à frente na disputa por uma fatia de mercado que está longe de atingir o seu ápice de crescimento. A cada 10 segundos nasce um MEI no Brasil.

Mais do que crescimento em número de negócios, esse público representa o desenvolvimento de um mercado consumidor. Micro e pequenas empresas geram 27% do PIB do Brasil e, em 10 anos, os valores da produção gerada pelos pequenos negócios saltaram de R$ 144 bilhões para R$ 599 bilhões.

É evidente, portanto, que grandes companhias precisam superar rapidamente estigmas sobre suas soluções e serem capazes de transformar sua comunicação para atingir esse público. Como sua empresa tem se posicionado diante desse cenário?

Receba-uma-avaliação-da-sua-estratégiaPowered by Rock Convert
Publicações relacionadas
Artigos

EQI 2019: pesquisa avalia as informações das páginas de produtos no e-commerce

Artigos

As estratégias que CEOs de alta performance utilizam para gerenciar o tempo

Artigos

Atendimento via WhatsApp: 7 chaves de sucesso para atender bem o cliente

Artigos

Greenwashing e as práticas oportunistas do mercado que tentam driblar o pensamento sustentável