amaro

Transformação digital na moda: como a Amaro está revolucionando o consumo

O futuro do varejo ainda está em construção, mas antecipar-se às tendências e inovar neste mercado é fundamental, principalmente no setor da moda.

Já imaginou ter a possibilidade de ir até a sua loja favorita, experimentar os modelos que mais gostar e recebê-los em casa? Bem, essa é a ideia dos Guides Shops, modelo que está revolucionando o jeito de comprar e consumir moda no Brasil.

Quer entender como a Amaro, uma das LinkedIn Top Startups de 2018, está transformando o varejo online e físico? Então, continue lendo esse artigo!

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

O segredo da Amaro: uma marca que já nasceu digital

Moda como serviço, não como produto. Essa é a aposta da Amaro, marca de moda feminina criada por Dominique Oliver Schweingruber, em 2012 como comércio eletrônico.

A Amaro é criada  sob o conceito de “digitally native vertical brands”, ou seja, marcas nativas digitais, que nasceram de forma natural neste meio. Ela também é D2C ou direct-to-consumer. Por isso, não há interlocutores no processos, desde a produção até a compra. A escolha pelo modelo  “direto ao consumidor” traz muito mais agilidade para os clientes.

Seguindo exemplos americanos como as marcas Warby Park, uma das maiores redes do segmentos de acessórios, com óculos que vão do casual até os mais elaborados, e da Bonobos, referência no varejo de moda masculina, a Amaro apostou em um criar um modelo sustentável de negócio direto ao consumidor.

Se há tempos, uma marca D2C precisava investir milhões de reais em mídias tradicionais, como TV, rádio e revistas, o acesso à internet tornou tudo o processo muito mais fácil e a Amaro soube aproveitar essa oportunidade da melhor maneira.

Uma das missões da marca é proporcionar um preço disruptivo, e para isso, não repassar custos como comissões de empresas parceiras, revendedores, distribuidores e até mesmo indústrias de costura (uma vez que a produção das peças é toda interna), reflete diretamente no valor dos produtos. Por essa razão, a Amaro consegue competir de igual maneira com a gigante do varejo ZARA, levando muito mais eficiência aos consumidores.

Por ser uma startup, a Amaro conseguiu ter uma característica única que a faz ter um posicionamento inovador no mercado da moda: internalizar sua tecnologia para pesquisa, desenvolvimento e criação de produtos. O app da marca, por exemplo, foi produzido totalmente internamente.

Os processos lean de uma startup permeiam todos os processos da Amaro, o que possibilita dinamismo e um crescimento acelerado.

A proposta da marca, é possibilitar aos clientes as últimas tendências internacionais por meio de preços disruptivos em uma jornada de compra única. Para tal, a Amaro une criatividade e tecnologia de maneiras ilimitadas, para que as inovações da empresa cheguem à toda cadeia produtiva.

Um exemplo disso, é o fato da Amaro ser a primeira entre as marcas de roupas a usar um processo de modelagem 3D, que resulta na redução drástica do número de protótipos necessários para as coleções, evitando o desperdício.

Universo Amaro: uma experiência omnichannel do futuro

Um dos grandes segredos da Amaro para destacar-se no varejo da moda é sua estratégia multicanal. A marca que nasceu como e-commerce, possui hoje  dezenas de lojas conceito espalhadas por todo o país.

Além de ser uma marca com fortes características tecnológicas, muito em função de se tratar de uma startup, a Amaro foi pioneira ao trazer para o Brasil a tendência das lojas físicas sem estoque.

Os Guide Shops Amaro são lojas onde a experiência vai muito além das dezenas de araras e telões gigantes de LED espalhados pela loja.

As lojas conceito da Amaro, tem por objetivo gerar conhecimento da marca e proporcionar uma experiência fluida de compra. Para isso, é possível experimentar as peças, sentir a textura dos tecidos, analisar os detalhes da costura e acabamento e testar as cores e caimentos ideais. Tudo isso é feito contando com a ajuda dos consultores de estilo da marca, que estão sempre atentos para auxiliar no que for preciso — fator que já proporciona uma experiência única e completa, mas que não para por aí.

Não existem caixas nas lojas. Os clientes podem finalizar suas compras utilizando os tablets ou computadores disponíveis na loja e aguardar a entrega das peças em sua casa.

A jornada de compra das consumidoras da Amaro passa também pelo aplicativo da marca. Lá é possível concluir uma compra que teve início na loja física em qualquer lugar e receber o produto em casa em minutos. Isso mesmo! Minutos.

Não é à toa que a Amaro possui um cronômetro em seu website que marca o tempo recorde de entregas. Até a conclusão deste artigo foi de 24 minutos e 19 segundos. Até mesmo na loja, se estiver com pressa, basta abrir o aplicativo da Amaro no smartphone e escanear a peça desejada para que ela entre automaticamente no carrinho vinculado ao perfil da cliente.

Também é possível comprar online e retirar o pedido no Guide Shop mais próxima com frete grátis, ou devolver e trocar uma peça, tudo isso para oferecer ainda mais praticidade e comodidade aos clientes.

Instagram como principal plataforma de marketing

Já não é novidade o poder que o Instagram tem para a estratégia de marketing digital das marcas. Quando falamos de marcas no segmento da moda a rede social torna-se uma das principais, uma vez que é uma das mais visuais que existem.

Segundo a Social Media Trends 2018, pesquisa da Rock Content que levanta as principais tendências em mídias sociais, as empresas apontam o Instagram com a rede social que mais impacta suas estratégias de marketing.

E para Amaro não é diferente. A marca tem no Instagram a sua principal base para relacionamento com as quase 500 mil fãs e consumidores. Por esse motivo, aposta em ações diversificadas com influenciadores do Brasil inteiro e ativações em eventos relacionados a moda e lifestyle. A marca tem, inclusive, um departamento específico para se relacionar com eles.

instagram amaro

Nos stories e IGTV da marca, a Amaro busca estreitar ainda mais a relação, produzindo conteúdos que as auxiliem na missão de escolher um look para ocasiões diferentes, ou fazer combinações com as coleções disponíveis nas lojas e site, por exemplo.

Durante a Black Friday 2018, a marca apostou em uma live na madrugada de sexta-feira onde embaixadoras conduziram um leilão ao vivo com as peças que estavam participando da promoção. Os consumidores podiam em tempo real interagir e dizer o valor que gostariam de pagar pelas peças, quem acertasse, levava a peça para casa.

live amaro

Inteligência de dados atrelada à solução digital: o segredo da escalada da Amaro

Inspirado por Dafiti e Netshoes, o fundador da marca queria desde o início, um negócio voltado para o consumidor final que proporcionasse uma experiência com produtos próprios e diferenciados do que já existia no mercado.

Após passar por bancos de investimentos— sendo um deles focado em operações de aquisição, fusão e reestruturação de varejistas de moda — Oliver pode conferir de perto como problemas de gestão eficiência impactam negativamente a experiência de compra dos clientes, e aprendeu com os grandes players o que não dá certo no segmento de moda.

Com essa experiência, o CEO do marca conseguiu construir uma equipe de excelência, que conta hoje com cerca de 360 funcionários, dentre eles, um time de especialistas em  data science.

O cientistas da Amaro são responsáveis por reunir e analisar todas as informações que podem se transformar em insights sobre os mais diversos aspectos para os times de marketing e vendas.

Na cultura altamente colaborativa da marca, está o fato de se envolver apenas quando é possível prever escalabilidade a longo prazo. Os colaboradores possuem a liberdade para se assumir riscos inteligentes, optando-se sempre por ações com mais de 100% de certeza.

Prova disso, são os produtos próprios da Amaro, como os aplicativos nativos disponíveis para iOS e Android, onde os cientistas de dados da marca, conseguem cruzar dados e informações, para munir todos os times da empresa com informações de consumo em tempo real. Por meio deles é possível criar uma comunicação personalizada para cada cliente, levando em consideração as preferências individuais, obtidas pelo histórico de navegação, compras anteriores entre outras informações.

O time também é responsável também pela criação de algoritmos e o uso de machine learning para entender, por exemplo, o impacto que as imagens e como à disposição dos produtos nas lojas influenciam na preferência de compra das consumidoras.

Neste sentido, os dados são fundamentais para o sucesso de crescimento da Amaro, no modelo direto ao consumidor.

Além disso, os gestores da marca tem total controle sobre as informações de consumo em tempo real, o que possibilita decidir por exemplo, se há necessidade ou não de aumentar o estoque de uma peça, ou deixar de produzi-la, em função da vazão do produto nas lojas. E assim, a avaliação feita pelos clientes é um insight preciso que pode ser utilizado para coleções presentes e futuras.

Uma marca jovem que ensina o mercado

São apenas 6 anos de existência, mas os números da Amaro já impressionam. Mais de 10 mil produtos desenhados por ano e 1.5 milhões de visitantes únicas mensais no website. Isso tudo sem considerar os acessos aos aplicativos da marca.

A história de sucesso da Amaro, tornou a marca um case a ser estudado por grandes players do mercado da moda, como a C&A, por exemplo.

Em publicação recente nos jornais O Estado de São Paulo e Folha de São Paulo, a Amaro aproveitou para reforçar seu pioneirismo e dar as boas-vindas à multinacional holandesa, que começa a implantar o conceito de Guide Shops no Brasil.

Dessa forma, a Amaro mostra que é possível oferecer moda não apenas como produtos, mas sim como serviços e experimentação. O varejo do futuro será focado em experiências que tornarão o consumo uma consequência fluida e consciente.

Gostou de ver como a Amaro está ajudando  o segmento da moda se reinventar digitalmente no Brasil? Clique aqui para descobrir como a Dakota está se transformando na prática com o case da marca Tanara.